sexta-feira, 4 de março de 2016

Empresário mata assaltante após ter casa lotérica invadida no Castelo Branco

Um jovem de 22 anos morreu após ter sido baleado durante o assalto a uma casa lotérica no bairro do Castelo Branco, em João Pessoa, na madrugada desta sexta-feira (4). O suspeito do crime é o dono do estabelecimento que fugiu após o crime, conforme informou o major Tibério Leite, comandante da Polícia Ambiental da Paraíba.
Segundo o major, o jovem arrombou a lotérica e quando estava dentro do estabelecimento o proprietário – que mora por trás do imóvel – ouviu o barulho e acionou o alarme.
“Quando o alarme tocou, o jovem viu o empresário e atirou contra ele. Por sua vez, o proprietário revidou e atingiu o suspeito, que pulou o muro e ficou ferido gravemente”, disse o major.
De acordo com o comandante, o empresário comunicou o caso à Polícia Militar e uma guarnição da Ambiental foi ao local. “Quando a viatura chegou no local chamou o Samu e levou o rapaz para o Hospital de Emergência e Trauma da Capital”, disse.
Segundo o boletim médico divulgado pela unidade médica, Rafael dos Santos Vieira Jorge - natural do Mato Grosso - não resistiu aos ferimentos e morreu. O major Tibério confirmou  que o empresário fugiu para livrar o flagrante, mas deverá se apresentar à Polícia Civil neste sábado (5).

0 comentários:

Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial