quarta-feira, 27 de julho de 2016

Empresário usava funcionários de 'laranjas' e já teria sonegado R$ 133 milhões

Um empresário, um contador e um funcionário da rede de lojas Thiago Calçados de João Pessoa foram presos nesta quarta-feira (27) durante a ‘Operação Cinderela’, deflagrada pelo Ministério Público da Paraíba (MPPB), por meio da Promotoria de Justiça de Crimes Contra a Ordem Tributária e parceria da Polícia Civil.

De acordo com o MPPB, os mandados de prisão preventiva e busca e apreensão estão sendo cumpridos nas residências dos investigados nos municípios de João Pessoa e Natal (RN), enquanto que os mandados de busca e apreensão estão sendo cumpridos em empresas pertencentes a um dos alvos presos. Várias lojas foram fechadas.

A ‘Operação Cinderela’ tem como objetivo desarticular um esquema criminoso de sonegação fiscal, falsidade ideológica, uso de documento falso e de “testa de ferro”, causando lesão aos cofres públicos em um montante que já ultrapassa R$ 133 milhões, sendo um dos três maiores sonegadores do Estado da Paraíba.

O empresário do setor calçadista que foi preso utilizava os funcionários como “laranjas” para a criação de novas empresas, segundo informou a delegada Daniela Vicuna.

De acordo com informações repassadas pela Secretaria da Receita da Paraíba, as investigações preliminares realizadas pela Delegacia de Crimes Contra a Ordem Tributária demonstram que os investigados têm agido por meio do esquema criminoso popularmente conhecido como uso de “laranja” ou “testa de ferro”, como forma de camuflar suas operações comerciais e fraudar a fiscalização tributária.

A atuação do MPPB é em conjunto com a Delegacia de Crimes Contra a Ordem Tributária (DCCOT), da Polícia Civil e a Secretaria de Estado da Receita. Participam da operação sete delegados da Polícia Civil (PC), 45 policiais civis, dois promotores de Justiça da Promotoria de Crimes Contra a Ordem Tributária, 21 auditores fiscais da 1ª Gerência e uma equipe do Corpo de Bombeiros.
.................................................................................................................................................................
Deixe seu comentário sobre essa notícia e acompanhe mais notícias do Cabuloso nas redes sociais:  TwitterYoutube e InstagramCurta nossa página no FacebookVocê também pode enviar informações, vídeos e fotos pelo WhatsApp (83) 98866-9195.

O que Achou? SEJA O PRIMEIRO A COMENTAR

0 comentários:

Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial