domingo, 12 de março de 2017

Familiares e colegas de Diogo Nascimento protestam contra impunidade em JP

O final da tarde deste domingo (12) na Orla Marítima foi marcado com protestos de familiares e colegas do agente de trânsito Diogo Nascimento, morto em atropelamento durante Blitz pelo executivo Rodolpho Carlos. "Não podemos mais continuar com a impunidade sendo norma mantida pela inJustiça, que protege os poderosos", diziam.
Nos pronunciamentos, os protestantes acusavam o autor do acidente com morte. "Estar sendo protegido pela Justiça diante de um cadáver é uma agressão ao Estado e à quem viveu a vida dedicado a cumprir com a lei e hoje quem é agressor é protegido de forma absurda".
O habeas corpus de Rodolpho Carlos, acusado de atropelar e matar o agente de trânsito Diogo Nascimento, em blitz da Lei Seca realizada no último 21 de janeiro, no Bessa, perdeu o efeito na última terça-feira (7). A expectativa de familiares e amigos era que a prisão do suspeito fosse pedida, o que até o momento não aconteceu.

Wscom
--------------------------------------------------------------------------------------------------------
NÃO PERCAM O CABULOSO EM AÇÃO, DE SEGUNDA À SÁBADO ÀS 17H00, AO VIVO PELO FACEBOOK TRAZENDO UM RESUMO DOS ACONTECIMENTOS POLICIAIS, COM A PARTICIPAÇÃO DO TELESPECTADOR POR TELEFONE 83 98866-9195

0 comentários:

Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial